Translate

Google Translate
Arabic Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

1 de jul de 2011

Casas “cubo” Japonesas

Essas construções em cubo podem ter formas simples e plantas funcionais mas elas não são nem um pouco chatas. Aliás, são muito interessantes. O escritório japonês Atelier Tekuto fez do minimalismo o seu carro chefe em seus dinâmicos projetos contemporâneos de casas unifamiliares, passando por multi-unidades e projetos mistos.
Pegue essa casa de 3 andares por exemplo. O uso deste incrível balanço, luzes estratégicas, e um leve inclinação no telhado torna essa caixa modernista de concreto e vidro em um luxuoso espaço que parece avançar sobre você, apesar do sítio ser muito pequeno.
Neste dois edifícios de apartamentos conectados, cubos são usados para articular espaços especiais, enquanto blocos de caixas de vidro permitem a mistura de luz e privacidade, reforçando a estética da geometira rígida em todo este projeto.
Calcular fendas, dobras, pregas e outras deformações desta caixa-casa permitiu que os arquitetos deste projeto trabalhassem com o terreno de formato bem peculiar, com o skyline existente no entorno, e outras condições contextuais sem comprometer o conceito ou aparência contemporânea. De alguma forma, esses lugares ainda parecem pertencer ao Japão, em uma nova geração sutil do estilo japonês.
Mesmo quando o escritório avança no conceito e utiliza curvas ou outras geometrias mais complexas, existe uma reconhecível simplicidade na forma, utilizando contraste entre o branco e preto, de materiais e design único em cada projeto do portifólio.
Em suma, o escritório Atelier Tekuto é bom no que faz, não somente arquiteturalmente, mas também, na capacidade que o escritório tem de flexibilidade de adaptação aos espaços.
Fonte: Dornob