Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2012

Aeroporto de Congonhas instala sistema de energia solar

Foram instalados noves painéis solares, no início de outubro, que geram 255 kWh por mês em energia.  Foto: Wikipedia Commons O aeroporto de Congonhas tornou-se mais sustentável ao optar pela instalação de energia renovável em toda sua estrutura. O sistema é um exemplo de geração de energia limpa na cidade de São Paulo. Sendo o quarto aeroporto mais movimentado do país, sua iniciativa deve incentivar os demais a também implementarem sistemas mais eficientes. Com a captação de energia solar, será reduzido o consumo de energia das redes tradicionais o que significa economia para os investidores e menos impacto ambiental. Foram instalados noves painéis solares, no início de outubro, que geram 255 kWh por mês em energia. A quantidade é suficiente para abastecer o terminal de passageiros de aviação geral, o prédio de bombeiros, a oficina de manutenção da Infraero, dois pátios gerais, guaritas e câmeras de vigilância. O sistema recebe a energia solar e a transforma em corrente co

Designer espanhola cria bicicleta que se adapta às necessidades das crianças

A bicicleta acompanha o aprendizado dos pequenos, proporcionando estabilidade,  equilíbrio e orientando-os quanto à melhor maneira de pedalar. | Imagem: Divulgação Criada em Barcelona, a B’Kid é uma bike que acompanha o aprendizado dos pequenos, proporcionando estabilidade, equilíbrio e orientando-os quanto à melhor maneira de pedalar. Um dos 20 projetos finalistas da segunda edição do MID (Mercado de Ideias e Design de Barcelona), a Balance Bike (ou B’Kid), foi criada pela designer Noelia Vallano, e vem chamando a atenção dos pais que estão antenados nas últimas tendências do mundo das bikes. A criação é indicada para aqueles que estão entre os dois e os seis anos de idade, pois ensina as crianças a pedalarem durante três estágios: o primeiro é o triciclo, para os pequenos que ainda não têm controle e nem estabilidade sobre a bicicleta. “Com as três rodas, a criança sente-se mais segura”, diz Noelia. A segunda fase é o balanço, essencial para que os meninos e as men

Resíduos de bioenergia podem produzir até aditivos para carros

A produção do biocombustível passou de 404 mil metros cúbicos para 2,7 milhões de metros cúbicos em 2011.  | Foto: Eduardo Cesar/Fapesp Estudos em desenvolvimento por empresas do Brasil e do Canadá apontam que, além de combustíveis, a geração de bioenergia também pode produzir embalagens plásticas, materiais elétricos e aditivos para carros. A reciclagem dos resíduos utilizados na geração do combustível pode dar vida a diversos produtos – é o que diz uma pesquisa realizada por corporações brasileiras e canadenses, que investigam os métodos de reaproveitamento do material proveniente das usinas de bioenergia. Com o apoio da FAPESP e da ISTPCanada, a empresa brasileira Plasmarco e a canadense Casco, estão realizando uma série de pesquisas sobre a reciclagem dos resíduos da produção de biodiesel. O projeto visa o aproveitamento total do glicerol bruto, uma das principais substâncias da geração de bioenergia, que pode ser transformada em mat

Masdar City: bem-vindo à cidade do futuro

Enquanto para muitos o uso de tecnologias limpas é algo reservado somente para o futuro, uma cidade construída em meio ao deserto nos Emirados Árabes Unidos prova o contrário. O monumento tecnológico conhecido como Masdar City mostra que, com um pouco de boa vontade (e muito dinheiro), é possível construir ambientes gigantescos que consomem uma quantidade muito pequena de energia. O projeto, que pode ser considerado um verdadeiro experimento social com centenas de cobaias humanas, foi desenhado pelo arquiteto britânico Norman Foster. Entre os recursos disponíveis aos residentes estão carros elétricos que se movimentam sem o auxílio de motoristas, ruas resfriadas por uma gigantesca torre eólica e até mesmo uma “polícia verde” responsável por gerenciar o gasto de energia dos moradores. A cidade do futuro A partir da primeira etapa de concepção de Masdar, iniciada em 2006, foram necessários três anos para que o projeto se tornasse uma realidade. Com investimento c

Casa sustentável brasileira é apresentada em competição internacional

As obras apresentadas devem levar em consideração o conforto, a capacidade de geração de energia e a qualidade da obra em geral. | Foto:  Ekó House/Divulgação   O projeto de casa sustentável de estudantes brasileiros está participando do evento Solar Decatlhon, que acontece a cada dois anos e tem como objetivo apresentar novas soluções energéticas para residências. As obras apresentadas devem levar em consideração o conforto, a capacidade de geração de energia e a qualidade da obra em geral. Neste ano, os projetos são expostos na Espanha. Chamado de Solar Decathlon Europe, o evento é uma competição internacional entre universidades que promove a investigação para o desenvolvimento de casas eficientes. O objetivo das equipes participantes é projetar e construir residências que consomem o mínimo de recursos naturais possíveis e produzem o mínimo de resíduos. O projeto brasileiro batizado de Ekó House foi desenvolvido por estudantes de universidades de

RJ apresenta hostel construído com materiais sustentáveis

No projeto foram usados móveis de madeira de demolição, revestimento de bambu e azulejos com sobras de sacos plásticos. | Foto:  Morar mais nacional/Divulgação   Os visitantes que passarem pelo Espaço Sebrae na mostra Morar Mais por Menos, no Rio de Janeiro, conhecerão o Hostel do Porto - 2014, um albergue ecossustentável construído com contêineres. A combinação das caixas usadas para transportar cargas permitiu a criação de dois quartos – com um beliche e uma mesa de apoio em cada um, banheiro e recepção. Móveis de madeira de demolição, revestimento de bambu e azulejos com sobras de sacos plásticos são exemplos de materiais sustentáveis utilizados no projeto. Na decoração, referências à Copa do Mundo da FIFA 2014 e aos Jogos Olímpicos de 2016 misturados com ícones da cidade como o Corcovado e o calçadão de Copacabana. Com preço bem mais em conta do que a construção em alvenaria – entre 27 a 37% mais barato – , a estrutura modular permite flexibilidade de montagem

Jovens cientistas norte-americanos criam microgerador de energia solar

A Fábrica Solar de Bolso é uma máquina portátil e acessível, capaz de criar painéis solares sem usar materiais muito específicos. | Foto:  Divulgação/Science Friday   Dois jovens cientistas desenvolveram um sistema portátil de geração fotovoltaica. Os painéis solares podem ser fabricados por cidadãos comuns, e cabem no bolso da maioria das pessoas – tanto o tamanho, como os preços, são acessíveis à população. Por diversos motivos, a energia fotovoltaica foi considerada durante muito tempo como uma alternativa inviável para suprir as demandas da população: primeiro, porque os equipamentos de geração não são baratos; depois, porque a incidência de raios solares varia de acordo com a localização geográfica e com as condições climáticas. Porém, na semana passada, dois cientistas norte-americanos desenvolveram um novo sistema de geração de energia solar: a Fábrica Solar de Bolso (DIY Solar Pocket Factory Machine), ou microsolar, é uma máquina portátil e acessível, cap

Designers franceses lançam teclado ecológico

O teclado ecológico foi desenvolvido para se conectar aos computadores, notebooks e tablets através do sistema de bluetooth. | Foto: Orée/Divulgação   Os teclados dos computadores fabricados com materiais plásticos podem estar com seus dias contados. A ideia é da Orée, uma empresa da França que acaba de lançar um conceito para reaproveitar a madeira, utilizando-a na confecção artesanal dos teclados. Aliando as antigas técnicas do artesanato francês às necessidades tecnológicas e ambientais da atualidade, os criadores da Orée lançaram um teclado ecológico, produzido com madeira de nogueiras e bordos de materiais customizados. “Nós combinamos tecnologias de ponta com as técnicas de marcenaria transmitidas de geração em geração. Cada produto da empresa é manipulado, polido, acabado e montado à mão em nossa oficina, no sul da França”, diz o fundador da empresa no site. O teclado ecológico foi desenvolvido para se conectar aos computadores, notebooks e tablets atra

Alemão projeta esfera de vidro para captação solar eficiente

Gerador solar esférico, capaz de aumentar em 35% a eficiência da captação energética. | Foto:  Divulgação   O arquiteto alemão André Broessel anunciou a criação de um gerador solar esférico, capaz de aumentar em 35% a eficiência energética, em comparação aos sistemas fotovoltaicos comuns. O projeto foi apresentado no site Designboom. Por se tratar de uma lente no formato de uma bola gigante, a novidade tem como grande benefício o aproveitamento da luminosidade independente de como ela incide sobre a estrutura. Não é necessário que os raios sejam totalmente direcionados, pois ao passarem pela lente, ela se encarrega de direcioná-los todos na mesma direção, para serem mais bem aproveitados. Ao redor das lentes são instalados os eixos de monitoramento e as células, que identificam o foco de luz e trabalham na captação deste potencial específico. Os testes foram feitos em sistemas diferentes. Em alguns casos, dependendo da estrutura disponível, é instalada s

Empresa no interior de SP investe em tratamento do lixo orgânico doméstico

Esses resíduos transformam-se em adubo, que pode ser usado para cultivar hortaliças e temperos. | Foto: Bomania/SXC   Com o aumento da consciência ecológica, os produtos relacionados à sustentabilidade têm ganhado mais espaço no mercado. Uma empresa de Campinas, interior de São Paulo, é um exemplo de negócio focado no tratamento correto do lixo orgânico. O empresário José Mendonça Furtado, fundador da Novaterra Ambiental, percebeu na demanda existente por produtos e serviços que facilitassem a reciclagem uma oportunidade de empreendimento. Dentre as soluções para redução do impacto ambiental, ele oferece a composteira de 60 centímetros de comprimento e 40 de largura. Através deste produto, o consumidor pode reciclar seus resíduos em casa. Por ser pequena, é possível usá-la até mesmo em apartamento. “As composteiras foram desenvolvidas com intenção de uso em zonas urbanas, onde é difícil você destinar o seu lixo orgânico para outra opção que não seja o aterro sanitá

Torre Digital: Novo ponto turístico de Brasília

Fotos: Monique Renne/CB Inaugurada em 21 de abril, a Torre de TV Digital é o mais novo ponto turístico de Brasília. De toda a cidade é possível ver o monumento projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. Do alto da Flor do Cerrado, apelido da torre, Brasília pode ser observada em uma vista panorâmica de 360 graus. Neste final de semana 2 mil pessoas passaram pelo monumento, entre brasilienses e turistas. Por dia, mil pessoas podem subir até o mirante da construção, que fica a 110 metros do chão. A visita passa ainda por uma sala de exposição que fica a 60 metros do solo. A torre tem 120 metros de construção e 50 metros de estrutura metálica. Doze metros de antena ainda serão instalados, o que levará o monumento à uma altura total de 182 metros. Até o fim da montagem da antena e da instalação das emissoras de televisão digital, previstas para durar oito meses, a visitação é aberta somente aos fins de semana e feriados. Moradores do DF e turistas podem subir na torre depois d