Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2015

Descubra o que é a Bioconstrução e suas Curiosidades

A bioconstrução é um conjunto de técnicas para a construção de casas e edifícios com elementos naturais, como terra e fibras vegetais. Esse tipo de construção tem como objetivo a redução das toxinas, que são extremamente prejudiciais ao ser humano, e como vantagens o aumento da durabilidade das paredes, a diminuição da variação de temperatura no interior da casa e o baixo custo de investimento e operação. Bioconstrução Os engenheiros e arquitetos responsáveis por esse modelo de obra devem sempre buscar soluções que visem à preservação do meio ambiente, como escolha do material adequado, com matérias-primas naturais ou recicladas; fontes alternativas de energia, como energia eólica e solar; economia e gestão de água, com a utilização da água da chuva; coleta seletiva e reciclagem de lixo no local em questão e utilização de técnicas que utilizem barro, bambu ou palha. Veja algumas técnicas de bioconstrução: Superadobe Utiliza sacos com terra comprimida para construir

CASAS COM SUPER-ISOLAMENTO TÉRMICO EM PORTUGAL E BRASIL. O CONCEITO DE CASA PASSIVA OU PASSIVHAUS

Existem mundo fora – sobretudo na Alemanha e países do Norte da Europa – algumas dezenas de milhares de edifícios chamados PassivHaus (Passive Houses, Casas Passivas). Este conceito foi projetado por dois arquitetos europeus, um alemão (Wolfgang Feist) e outro sueco (Bo Adamson), nos fins dos anos oitenta do século passado, e o movimento - centrado na organização PassivHaus Institute - tem hoje ramificações um pouco por todo o mundo. O PassiveHaus Institute está presentemente representado em Portugal através da Associação PassivHaus portuguesa . Não existe, no presente, uma associação equivalente para o Brasil embora alguns – muito poucos – edifícios brasileiros tenham seguido os princípios das PassivHaus (Imagem: PassiveHouse.us ) Mas O Que É Exactamente Uma PassivHaus, E Quais As Suas Vantagens? As PassivHaus são edifícios com níveis elevadíssimos de isolamento e selagem térmica, desenhados expressamente para reduzir as perdas (ou os ganhos) de calor para níveis reduzid

Casa autossuficiente em Niterói dispensará redes elétrica, de água e esgoto

As casas do futuro poderão dispensar as redes elétrica, de água e esgoto. E uma prova real disso está prestes a ser concretizada em Niterói, no Rio de Janeiro, por meio do projeto NO.V.A (Nós Vivemos o Amanhã), uma parceria entre a empresa Ampla com a PUC-Rio e FGV-RJ. A iniciativa disponibilizou um site onde pessoas do mundo todos eram convidadas a deixar suas sugestões do que seria para eles uma casa ideal no futuro. A parte arquitetônica ficou por conta do escritório paulistano Studio Arthur Casas, que foi encarregado de viabilizar parte das quatro mil ideias enviadas pelo site. Casa-laboratório Foram mais de 200 mil acessos de 106 países. “Desenhamos a arquitetura que respeitava esses desejos”, conta o arquiteto Rodrigo Carvalho, que participou da concepção da casa em entrevista à Folha . A primeira casa vai funcionar como um laboratório para estudos de tecnologia e sociologia para as faculdades envolvidas no projeto. “A proposta da casa é vivenciar como seria

Sustentabilidade na construção civil reduz impacto ambiental

A evolução da consciência ecológica trouxe para o nosso dia a dia o conceito de sustentabilidade e lançou um novo olhar para a forma como impactamos o meio ambiente ao construirmos nossas casas e edifícios. A preocupação com a preservação das condições de vida do planeta e das futuras gerações é bem ampla e não poderia deixar de fora a construção civil. A construção sustentável é um produto da moderna sociedade tecnológica e visa causar o menor impacto tanto na construção como na manutenção dos empreendimentos utilizando-se de recursos naturais locais de forma integrada ao meio ambiente em que está inserida , buscando soluções para problemas criados por ela própria, como os resíduos de descarte de entulho , promovendo a saúde, o conforto e a integração com seus habitantes. Ao iniciar uma construção, antes de mais nada, é preciso considerar o melhor aproveitamento da topografia natural do terreno e dos recursos naturais como a luz solar. Que evitará o uso excessivo de ilumina

WOOD FRAME – CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL

O sistema construtivo  Wood Frame  faz parte dos tipos de construção que evitam desperdícios, pois não precisam que as paredes sejam quebradas para passar as tubulações e também dispensam o uso de fôrmas para pilares e vigas, já que as próprias paredes são estruturais. Ele é composto por perfis de madeira estruturados, formando placas vazadas que são posteriormente fechadas por painéis de vedação, normalmente de OSB. Os perfis são feitos com madeira de reflorestamento, o que contribui para que o processo seja considerado ecológico. Imagem: Tecverde. Umas das primeiras dúvidas que vêm à cabeça quando se fala desse tipo de construção é em relação à resistência, pois tanto a estrutura quanto as paredes são muito leves. E na verdade esse tipo de construção é muito estável, pois as cargas são distribuídas em todas as paredes ao invés de pontos concentrados – que seriam os pilares. Além disso, para locais com terremotos, por exemplo, o risco de ruptura é muito menor do que nas con