Translate

Google Translate
Arabic Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

29 de mai de 2011

Lâmpada LED com sensor de presença é ainda mais econômica

Esse carocinho aí no tubo da lâmpada R-FAC é um sensor de presença. Com ele, a luz só vai ficar acesa se alguém estiver no mesmo ambiente que o LED.
Devidamente apontado pelos caras do ZTOP, esse sensor faz com que a lâmpada economize até 70% de energia, em comparação as fluorescentes de 40 watts. E o melhor é que a LED já vem no tamanho ideal para você trocar sua antiga de tubo.
O modelo de LED vai ficar aceso assim que alguém entrar na sala e, se não sentir ninguém por ali, apaga 90 segundos após o último movimento captado. Além disso, sua vida útil chega a 40 mil horas aproximadas de uso contínuo, os modelos fluorescentes suportam 12 mil como tempo máximo.
Outro ponto importante é que as lâmpadas fluorescentes ainda utilizam mercúrio, que pode ser muito problemático se não for descartado corretamente.
As novas lâmpadas LED da ROHM estão disponíveis em versões de 22 e de 14 watts. Elas são compatíveis com modelos fluorescentes de 40 watts com soquete padrão G13.
Fonte: Eco4planet