Pular para o conteúdo principal

Villa 4.0: a reestruturação pode fazer milagres

Design moderno, simplicidade e sustentabilidade num projeto surpreendente

Uma paisagem deslumbrante para uma residência sustentável
(crédito: Divulgação)











A Villa 4.0 é uma casa onde qualquer pessoa gostaria de viver. A começar pela sua localização, numa região da Holanda cercada por deslumbrante paisagem natural. Sua construção foi no ano de 1967, tendo sofrido a primeira intervenção em 1972.
Agora, ela acaba de sofrer mais uma reestruturação, sendo totalmente redesenhada pelo estúdio Dick van Gameren Architecten, de Amsterdam. O resultado final nesta luxuosa casa holandesa expressa uma espécie de charme resultante da cirurgia radical realizada. Além do design moderno, elegância e simplicidade, a residência ganhou elementos de sustentabilidade, através da reciclagem de materiais e o uso de técnicas para atingir o consumo de energia mais baixo possível.
O envelope foi todo muito bem isolado e as velhas janelas de madeira substituídas por novas molduras de alumínio e vidro com isolamento para alcançar a eficiência energética. Foram instalados painéis solares para produzir água quente e o aquecimento, incorporado ao piso, é fornecido por uma estufa a lenha conectada ao sistema
Foi dada grande importância à ventilação e iluminação naturais, através de grandes janelas e clarabóias muito bem posicionadas. Um resfriamento adicional será fornecido por um sistema geotérmico que bombeará a água de um córrego próximo até um sistema tubular no teto.
O piso interior foi feito de bambu, um material ambientalmente amigável por ter um crescimento e renovação muito rápido. Atenção especial foi dada ao projeto do exterior, que mantém um diálogo contínuo com os espaços fechados.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios