Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

20 de mar de 2014

Em dois dias, fotógrafo e arquiteto constroem residência na floresta


Utilizando peças pré-fabricadas sob medida e prontas para montagem, dois profissionais levantaram uma casa sustentável em tempo recorde. A construção rendeu até uma indicação para um prêmio de arquitetura húngaro.

      Archanddesign

                         Styleofdesign


A pequena residência foi construída na floresta de Pilis, onde há montanhas com belas paisagens – popular destino de férias na Hungria. De acordo com o Atitude Sustentável, o fotógrafo Zsolt Batar e o arquiteto Bence Turany, da T2. a Architects, afirmam que o projeto é o resultado de conversas que tiveram sobre arte, arquitetura e design.


Com 210 metros quadrados, a residência possui dois pavimentos. O espaço inferior inclui salas de estar, jantar e cozinha. Já no ambiente superior estão localizados dois quartos e banheiro. A parte externa mescla o estilo rústico e moderno e a área interna recria um ambiente de uma casa na montanha, segundo o Catraca Livre.

Em toda a residência foram colocadas grandes janelas, que proporcionam a maior entrada de luz natural e permitem que incríveis paisagens da floresta possam ser avistadas em seu interior. Essa amplitude também evidencia a intenção dos criadores em mesclar arquitetura e fotografia.


As peças pré-fabricadas permitiram mais economia e redução na geração de resíduos. Para o fotógrafo, a inovação do projeto se justifica pelo trabalho em equipe e a soma de dois profissionais com visões diferentes. Inclusive, o rendeu a indicação ao prêmio Hungary’s Media Architecture Price de 2013.

Fonte:  CicloVivo