Pular para o conteúdo principal

Telhado Verde – Cubra Sua Casa de Benefícios

Os telhados verdes são aqueles que possuem uma técnica, na qual, a cobertura superior de residências ou pontos comerciais são revestidas de plantas e vegetais.

Esta técnica permite a impermeabilização e drenagem da cobertura, ajuda a reduzir a poluição ambiental de grandes cidades, ameniza os fatores climáticos como calor excessivo gerado pela ação do sol e ainda garante um ambiente bonito e colorido para quem olha por fora.

Como ameniza o calor dentro do ambiente, o telhado verde reduz a necessidade de utilização de recursos de refrigeração, como ar condicionado, que além de gerar maior energia, sendo ruim financeiramente, também é desinteressante do ponto-de-vista do meio ambiente, uma vez que polui a atmosfera. Assim ele se torna mais uma ferramenta útil na construção de um imóvel sustentável.

Como resultado, o telhado chega a reduzir em até 30% os efeitos climáticos dentro da casa. Além disso, o telhado verde é também bom para a saúde: a vegetação ajuda a manter a umidade relativa do ar. Vale lembrar que a baixa umidade pode gerar problemas respiratórios e também problemas de pele. As plantas têm papel importante na “purificação” do ar, pois consomem gás carbônico e devolvem oxigênio para a atmosfera. É evidente que respirar um ar mais limpo, traz inúmeros benefícios para a saúde.


Outro benefício é a redução no consumo de água. A vegetação e a terra do telhado criam um filtro natural e água que cai da chuva pode ser utilizada ara regar plantas, tomar banho, preparar alimentos ou até beber. Esteticamente os telhados verdes também podem ser atrativos. Eles deixam os edícifios verdes duplamente mais verdes.

Como não são comuns, pelo menos por enquanto, são chamativos e despertam atenção e curiosidade de quem os vê. Para quem implantar o telhado em comércios, ainda irá gerar, no seu público, uma impressão positiva, pois verá que sua empresa se preocupa com o meio ambiente e em soluções sustentáveis para problemas como o grande calor ou armazenamento de água.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios