Pular para o conteúdo principal

Jogos Olímpicos de Inverno, na Rússia, terão instalações "verdes"

Projeto do Parque Olímpico de Sochi/Foto: divulgação

Enquanto o Brasil se prepara para receber a Copa do Mundo em 2014, do outro lado do globo, a cidade russa Sochi está implementando “preparativos verdes” para os Jogos Olímpicos de Inverno, que acontecerá no mesmo ano. Todas as obras para os jogos exigem soluções inovadoras para as instalações que receberão a competição e as Paraolimpíadas de Inverno.

As construções russas devem possuir padrões eficientes de conservação energética e utilizar fontes de energia alternativas. Sistemas de controle de automação serão implantados, reduzindo, significativamente, o consumo energético. Os construtores deverão ainda remover, obrigatoriamente, os resíduos acumulados em função das obras de adaptação da cidade para os jogos.

Padrões

De acordo com o diretor do Departamento de Suporte Ecológico da corporação estatal Olimpistroy, Gleb Batletsov, a corporação desenvolveu padrões verdes que estão integrados em um sistema de certificação voluntária. Esses requisitos, que se aplicam aos construtores de instalações, superam em até 70% as exigências da legislação russa atual. Ele afirma que mais de 10% do orçamento da empresa foi investido em questões ambientais.

O comitê organizador dos jogos acredita que o evento pode ser um estímulo para criar mudanças positivas na região. De acordo com eles, em aproximadamente 80% das cidades em que os Jogos foram realizados após 1972 estão, atualmente, entre as 200 cidades mais populares do mundo. Os Jogos de 1992, por exemplo, ajudou o Barcelona a se tornar um dos centros turísticos do mundo principais.

O desenvolvimento sustentável é visto pelos organizadores como a solução para questões sociais, econômicas e ambientais na região. A intenção é investir no ecoturismo nas montanhas em que o parque olímpico de Sochi será construído.

Com informações do Diário da Rússia           Via: Portal EcoD

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios