Pular para o conteúdo principal

Casa com domo de madeira redondo aproveita luz natural em todos os ângulos

Semelhante a um disco voador pousado no meio da floresta, essa surpreendente construção em forma esférica mostra uma forma de eficiência energética que merece atenção. Isso porque sua estrutura otimiza a entrada de luz natural tanto pela forma quanto por seu mecanismo que faz a edificação girar.


Localizada em um terreno na floresta de New Paltz, nos Estados Unidos, a casa de veraneio foi construída através de tecnologias de pré-fabricação da empresa francesa DomeSpace e sua montagem no local levou cerca de 3 meses. Sua cúpula é composta basicamente por materiais orgânicos, como cedro, bambu e calcário, além de contar com um sistema peculiar: uma plataforma que faz a casa girar inteiramente para otimizar o aproveitamento de luz e calor ou mesmo sombra. Com o apertar de um botão é possível posicionar a casa de modo que suas aberturas fiquem direcionadas para o melhor sentido.

A casa conta com dois pavimentos, possui pouquíssimas paredes internas e uma estrutura central que tornam os ambientes arejados e claros. As paredes revestidas de madeira e o pé direito em arco contribuem com a sensação de aconchego e fascínio ao se estar dentro do ambiente. O espaço interno possui uma área de 700 m² divididos em três quartos, dois banheiros, cozinha e sala, além de uma biblioteca e um escritório, tudo, sem sacrificar a qualidade dos espaços e o conforto. Outro ponto interessante da residência são as suas grandes janelas curvas que juntamente com sua planta aberta criam a ilusão de extensão da propriedade.


Não se pode ignorar o consumo energético necessário para o funcionamento do mecanismo de giro, o que torna a eficiência da casa nesse aspecto, contraditória, mas com a utilização de fontes de energia limpa é possível viabilizar o conceito de maneira eficaz.


Ah, a residência de férias está à venda pelo valor de 950 mil dólares.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios