Pular para o conteúdo principal

O que é "RETROFIT" de um imóvel

RETROFIT é um termo surgido da união entre a palavra Retro do Latin (significa para trás) e a palavra Fit do inglês (significando ajustar, adaptar). Muito utilizada por Arquitetos e Engenheiros na modernização de um imóvel seja somente em fachadas, como também no imóvel completo, porém preservando sua arquitetura e essência. O Retrofit difere da Restauração que é aplicado em construções tombadas pelo Patrimônio Público, e que tem que preservar fielmente suas características.
Vários são os benefícios quando se efetua um retrofir, apesar do custo ser quase o mesmo de uma construção nova. São eles:
  • Sustentabilidade - pelo fato da geração de entulho ser pouquíssima;
  • Economia de energia;
  • Utilização de menos materiais;
  • Preservação da identidade do bairro no qual está situado o imóvel;
  • Geração de projetos únicos e exclusivos.
Exemplos de Retrofit

São Paulo/SP

Sobrado adquirido por um casal de músico e uma artista plástica em São Paulo, com má conservação durante décadas. Os Arquitetos contratados para fazer o retrofit, Leonardo Sette e Maria Isabel Imbronito conseguiram projetar o retrofit do imóvel, permanecendo o mesmo, com as características iniciais, com um projeto muito interessante e eficiente.

Fotos: Divulgação
 
APARTAMENTO 

Vencedor na categoria Retrofit do Prêmio Planeta Casa 2011, este apartamento da década de 1950 no bairro de Higienópolis, foi “retrofitado” pelo arquiteto Gustavo Calazans. A eliminação de algumas paredes favoreceu a iluminação natural e a estrutura de alvenaria a mostra da o toque rústico/contemporâneo.
Fotos: Divulgação
 
CASA
 
Neste projeto do arquiteto Carlos Verna no Alto da Lapa, em São Paulo, a redistribuição dos cômodos internos e a renovação da fachada deram fôlego a esta antiga casa dos anos 1940. Muitas paredes com tijolos a vista (que só uma casa antiga propicia naturalmente) e a completa integração com o verde presente na área externa do terreno, dão o ar de campo desejado pelos proprietários.
 
Fotos: Eduardo Pozella/Divulgação

 
Porto Alegre/RS
 
Galpão

O imóvel em questão, com apenas 3,5m de frente e totalmente destruído levou um retrofit pelo Estúdio Urbana Arquitetura que transformou o antigo galpão num incrível loft para um jovem advogado.

Fotos: Marcelo Donadussi/Divulgação
 
 
 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios