Translate

Google Translate
Arabic Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

23 de jan de 2012

Rio ganha bicicletários na orla das praias


A Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos já começou a instalação de novos modelos de bicicletários públicos na orla do Rio de Janeiro.
Na orla de Ipanema e Copacabana, os novos espaços devem suprir a necessidade do número de ciclistas da cidade, que cresce cada dia mais. A ação faz parte do programa Rio Capital da Bicicleta, cujo objetivo é gerar iniciativas que aumentem o uso da bicicleta como meio de transporte não poluente.
O modelo de bicicletário é feito de aço inox e foi criado pelo design Guto Índio da Costa, aprovado pelas secretarias de Urbanismo e Meio Ambiente.
A prefeitura vai instalar 18 unidades no canteiro central das avenidas Delfim Moreira e Vieira Solto, nos bairros do Leblon e de Ipanema, na Zona Sul da cidade.
Os bicicletários foram doados à cidade pelo Banco Itaú e serão instalados em substituição aos antigos, feitos com argolas de ferro. Além dos mobiliários padronizados, as avenidas também receberão novo paisagismo nos jardins do canteiro central. O banco também ficará responsável pela implantação e manutenção do jardim.
O programa Rio Capital da Bicicleta, da Secretaria do Meio Ambiente, planeja chegar a cerca de 300 km de ciclovias, ciclofaixas e pistas compartilhadas até o fim de 2012, e aumentar o número de vagas nos bicicletários.
Segundo a Prefeitura do Rio de Janeiro, há três anos existiam 650 vagas destinadas a bicicletas. Atualmente, o número chega a três mil. Assim, a cidade carioca também pretende assumir a liderança latino-americana em quilômetros de ciclovias e superar Bogotá, capital da Colômbia.
Fonte: Info                          Via: Eco4planet