Translate

Google Translate
Arabic Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

27 de jan de 2012

Edifício flutuante pode preservar vida selvagem


O Waterstudio desenvolveu um projeto capaz de resgatar o meio ambiente perto de grandes cidades. Trata-se da Sea Tree, uma estrutura que pode ser instalada em rios ou no mar e abrigar a fauna e a flora locais.
O sistema pré-fabricado permite que as plantas tenham contato com brisas e ventos naturais. Além disso, o edifício pode ser modificado conforme o tamanho médio das plantas do local. Por isso, a estrutura pode melhorar a qualidade de vida das cidades.
Criada pelo arquiteto holandês Koen Olthuis, a construção deve ter cerca de 30 metros de altura, mais oito metros sob a superfície. O objetivo é refugiar plantas, animais marinhos, pássaros, entre outros animais.
A Sea Tree é capaz de reproduzir todo o ecossistema de uma árvore. Por ser dividida em camadas, a estrutura flutuante consegue hospedar diversas espécies de animais. Trata-se de uma boa solução contra a poluição das metrópoles e da falta de espaço para a fauna e a flora.
A estrutura é parecida com um projeto usado para construção de plataformas de petróleo no mar. O diferencial é que a Sea Tree tem fins sustentáveis, diferente da extração de petróleo. Além disso, o edifício também pode ser construído em rios e lagos urbanos.
O custo do projeto, por enquanto, fica em torno de 9 milhões de dólares. É provável que o projeto ganhe vida em até dois anos.
Fonte: Info                                           Via: Eco4planet