Pular para o conteúdo principal

Casal inglês reutiliza ônibus velho para fazer casa sustentável

onibus1-ecod.jpg
Fotos: Divulgação

A relação de muitos casais com a sustentabilidade é recorrente aqui no EcoD. Já mostramos, por exemplo, um casal que consegue viver com menos de R$ 15 mensais, um outro que aderiu as bicicletas em pleno dia do casamento e até um que construiu uma comunidade autossustentável no meio da floresta.
Dessa vez, os aplausos vão para Rob e Layla, que transformaram um ônibus velho e esquecido em uma confortável casa com vista para a região de Herefordshire, na zona oeste da Inglaterra.

 onibus2-ecod.jpg

Batizado de Majestic Bus, o ônibus-casa ou casa-ônibus (como queira) tem um belo piso de madeira e está equipado com uma série de objetos feitos à mão. Bancadas de carvalho, um fogão a gás e um frigorífico compõem a sala/cozinha e suprem boa parte das necessidades do casal. Na parte de trás desta residência inovadora e inusitada está ainda um fogão a lenha e uma cama de casal (na verdade, o sofá em formato de L também se dobra e vira outra cama para dois).

onibus3-ecod.jpg

Mas não para por aí. As baterias dos celulares e laptops são carregadas com painéis solares instalados no telhado. Já do lado de fora, o casal construiu um rústico banheiro em madeira. Ao todo, é possível ter oito pessoas vivendo no Majestic Bus, quatro dentro e quatro acampando do lado de fora.

onibus4-ecod.jpg

A iniciativa do casal inglês é mais uma demonstração sobre a possibilidade de viver melhor com menos, um contraponto a sociedade de consumo e a cultura do desperdício tão disseminados no dia de hoje.

onibus5-ecod.jpg

E você: gostaria de morar em uma 'casa' dessas?

Fonte: EcoD 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios