Pular para o conteúdo principal

Haiti ganha casas sustentáveis contra terremotos

Haiti ganha casas sustentáveis contra terremotos

Desde o terremoto de 2010 e o furacão Sandy que balançaram o Haiti, os esforços para a reconstrução das inúmeras casas destruídas continua, mesmo que lentamente. Um dos projetos de destaque é o Konbit Shelter, cujo objetivo é criar casas sustentáveis que também protegem as famílias dos desastres naturais. 

O diferencial das casas feitas pelo grupo é que elas são estruturalmente construídas sem o uso de máquinas e com o auxílio dos moradores do local. Além disso, o grupo investe em detalhes arquitetônicos, como toldos e janelas feitos à mão e tetos altos. 

Para fazer tudo isso, os criadores usam na construção asuperadobe, uma técnica capaz de erguer paredes com sacos preenchidos 90% por terra e 10% por cimento. Esse método se difunde cada dia mais pela baixa complexidade de construção e rapidez. 

A prática envolve fazer sacos cheios de areia, argila, água, palha, entre outros materiais para montar uma estrutura de compressão resistente a terremotos, furacões, inundações e incêndios. Assim, é possível fazer uma casa durável e adaptada para atender às necessidades de cada comunidade. 

O projeto tem como líder o artista Swoon, cujas obras já ficaram em exposição em São Paulo. Ele e uma equipe de arquitetos, engenheiros e outros artistas formam o Konbit Shelter. Para alavancar o projeto, o grupo se inscreveu no Kickstarter para arrecadar dinheiro com crowdfunding. 

A meta era de US$ 30 mil e eles arrecadaram US$ 31.511. Graças à campanha de sucesso, esse dinheiro servirá para a compra de materiais para a próxima construção e como ajuda de custo aos construtores locais. Com parte do dinheiro arrecadado, o grupo também começará este mês a terceira empreitada do grupo, que já criou duas casas anteriormente: um centro comunitário e uma casa de família.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios