Pular para o conteúdo principal

Masdar City: um oasis sustentável no meio do deserto

Masdar City promete ser referência mundial em desenvolvimento sustentável
Foto: zerochamp

Um verdadeiro oasis em pleno deserto. Esta é a melhor definição para Masdar City, nos Emirados Árabes Unidos, a primeira cidade do mundo com emissão zero de carbono, ao incorporar a sustentabilidade em todos os aspectos do planejamento e concepção do município, segundo apuraram os pesquisadores da Plataforma de Cidades Sustentáveis.
Construída a partir de 2007 e com conclusão prevista para 2018, Masdar City foi projetada para abrigar 50 mil habitantes. A principal meta da cidade é tornar-se um pólo de pesquisa em tecnologias limpas, no intuito de ser considerada uma das lideranças na área.
Para concretizar este objetivo, o Masdar Institute of Science and Technology, desenvolvido junto com o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), terá sede na nova cidade. A proposta do local é de ser um laboratório onde serão aplicados os princípios de sustentabilidade.

Listamos para você os principais objetivos traçados por Masdar City:

•Matriz energética 100% renovável;

•Reduzir ao máximo a pegada de carbono;

•Transporte exclusivamente público;

•Documentação dos habitantes totalmente digital para evitar o uso de papel;

•Refrigeração dos edifícios e ruas da cidade baseada na tradicional arquitetura árabe.

A infraestrutura de Masdar City tem sido construída com investimentos do governo de Abu Dhabi (capital dos Emirados Árabes) em parceria com as empresas Foster e Partners e Mubadala Development Company. O Masdar Institute of Science and Technology está quase completo e sua primeira turma começará as aulas em setembro de 2010. A partir daí investidores externos iniciarão a construção de escritórios, residências e zonas mistas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios