Translate

Google Translate
Arabic Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

8 de fev de 2015

Arquiteto inglês projeta casa flutuante para áreas com risco de alagamento


O escritório britânico Carl Turner Architects projetou uma casa sustentável ideal para áreas alagadas ou que estão em regiões que correm riscos de alagamentos. Apelidada de “Casa Flutuante”, a residência ainda é capaz de produzir a sua própria energia.

Segundo o site Inhabitat, a proposta foi desenvolvida em resposta a um desafio lançado pelo projetoPaper Houses, que buscou arquitetos com ideias para dar novos usos às hidrovias urbanas e resolver o crescente problema de inundações em áreas residenciais de Londres.

Imagem: Divulgação

A casa foi planejada para ser adaptável. Desta forma, a estrutura principal permanece inalterada, mas internamente ela pode receber diferentes disposições, de acordo com a necessidade e o uso. A casa tem uma base flutuante de 20x7 metros. As paredes são feitas em madeira e revestidas com borracha, o que garante um super-isolamento.

Imagem: Divulgação

Para garantir energia e água aos moradores, a residência também é equipada com placas fotovoltaicas, que produzem eletricidade e um sistema de aquecimento solar para fornecer água quente. Na parte superior, a casa ainda possui um tanque de armazenamento para reaproveitar a água da chuva e um jardim.

Imagem: Divulgação

O projeto foi desenvolvido para áreas alagadas ou que estão constantemente expostas a este perigo. Por isso, ela pode ser facilmente transportada através de caminhões ou barcos e erguida sobre estacas em praticamente qualquer lugar.

Fonte: CicloVivo