Pular para o conteúdo principal

Domo Geodésico - Forma Perfeita de Buckminster Fuller


O Domo Geodésico. A forma que Richard Buckminster Fuller estudou e tornou conhecida pela sua extrema resistência estrutural. Dizem que ele passou por experiências traumáticas em sua vida e que pensou em se suicidar. Mas ao invés de tirar a vida, passou a dedicar-se a estudar soluções. Como ele mesmo definiu em suas palavras em fazer de sua existência dali em diante 

“(…) um experimento, descobrir como um único indivíduo pode contribuir para mudar o mundo e beneficiar toda a humanidade.”

Na área de arquitetura, o Domo Geodésico, além da facilidade de uso, se caracteriza pela:

Resistência aos ventos, tormentas e neve.
Resistência Estrutural
Coleta de energia solar passiva - sendo um concentrador de luz e calor
Economia para construção
Melhor facilidade de ventilação e distribuição de calor interno

Uma estrutura relativamente simples que pode ser construída por pessoas leigas com alguma instrução a respeito e que pode ter uma espaço interno super agradável. 


Uma alternativa interessante que tanto pode resultar em uma estufa, um abrigo de férias ou edificações maiores e mais complexas. São versáteis e de fácil montagem como mostra o vídeo abaixo.


Um homem interessante o seu Buckminster Fuller. Fez das suas experiências amargas de vida um combustível para estudar melhorias para outras vidas. Estudou a natureza e como ela se comportava para achar soluções. Teve uma visão sustentável de vida e mundo bem antes dos demais. Conseguiu 28 patentes, escreveu 28 livros, recebeu 47 títulos honorários.

Domo na Floresta from Diogo Coneglian on Vimeo.


“Procurar por princípios que governem o universo e auxiliar a evolução da humanidade de acordo com os mesmo… Encontrar meios de fazer mais com menos, para que todas as pessoas de todos os lugares possam ter mais e mais” 
Buckminster Fuller

Veja aqui um acervo digital com seus artigos. Via: Elenara Leitão

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas Sustentáveis

Diversos modelos e ideias ou projetos de casas sustentáveis bem legais! Divirta-se e apreciem os modelos sem moderação! Captação de água e circulação de ar que mantém a temperatura agradável.  Ideias para aplicar em casas já construídas! Telhado verde! Tendência e obrigatoriedade em alguns países! Este modelo apresenta novas tecnologias! Lâmpadas com energia eólica! Captação de água e armazenamento. Fonte: Bioconservation

AQUECEDOR SOLAR DE ÁGUA FEITO COM TUBOS DE PVC

PROJETO EXPERIMENTAL solução barata para aquecer água para banho Nota:  Aquecedor Solar de Água com o coletor solar feito com tubos de PVC: Criação, pesquisa e desenvolvimento por Edison Urbano. Obs.: Esse projeto foi baseado na tecnologia do ASBC - Sigla que caracteriza o Aquecedor Solar de Baixo Custo, projeto originalmente elaborado pela equipe da ONG Sociedade do Sol que, para a confecção do seu coletor térmico solar, usa placas alveolares de PVC (normalmente usadas para construções de forros). ÍNDICE INTRODUÇÃO Energia Elétrica - consumo sustentável. Formas simples para economizar energia elétrica. Estudo do consumo de energia elétrica por um chuveiro elétrico Explicações gerais do projeto experimental do Aquecedor Solar de água feito com tubos de PVC próprios para água potável. Aprendendo a dimensionar um Aquecedor Solar feito com tubos de PVC. MONTAGEM do(s) COLETOR(es) MONTAGEM do COLETOR feito com TUBOS de PVC Obs.: as medidas podem ser alt

Como Assentar um Piso Drenante?

O piso drenante não é apenas um piso pré moldado em placas de concreto drenante, é na verdade um sistema que engloba os materiais de assentamento formando uma escala granulométrica que drena as águas pluviais para o solo. As placas de piso não podem ser assentadas diretamente sobre a terra, pois a mesma irá entupir os vazios da placa de concreto evitando o correto funcionamento. A placa drenante deve ser assentada em um colchão drenante da seguinte forma de acordo com o manual técnico da Segato Pisos do Brasil: -Espalhar sobre o solo compactado uma camada de brita de aproximadamente 12cm de espessura. -Sobre a camada de brita, espalhar uma camada de Areia de aproximadamente 7cm de espessura. -Fazer colocação das placas usando uma linha de nylon para orientar no alinhamento e nivelamento. -A colocação tem que ser feita de forma que as peças fiquem travadas. Seguindo essas regras, teremos um piso ecologicamente correto podendo participar dos projetos com princípios