Translate

Google Translate
Arabic Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

20 de mai de 2013

Empresa norte-americana desenvolve caixa de pizza que se transforma em prato


A empresa Eco Incorporated desenvolveu uma caixa de pizza delivery que pode ser usada como prato antes de ser descartada. O modelo de papelão é uma alternativa para reduzir o uso de descartáveis durante festas de amigos e reuniões, por exemplo.

A diferença desta caixa para as tradicionais é bem simples: o modelo vem com a tampa serrilhada, que facilita para o consumidor destacá-la em quatro partes. Cada um deles pode substituir um prato descartável. Ainda que a maior parte das pessoas prefira o prato de vidro, a opção ainda é atraente pelo fato de evitar a sujeira em eventos maiores.

Batizada de GreenBox, a caixa reduz o consumo de papelão, uma vez que parte dela pode ser transformada em uma caixa menor para guardar o que sobrou da pizza. Isso mostra que ela é bem mais aproveitada do que os modelos comuns de delivery.

A empresa afirma que o design da embalagem combina duas paixões individuais: o respeito ao meio ambiente e ao consumidor. “Estamos comprometidos com a utilização de materiais ecologicamente corretos. Utilizar esses materiais nos projetos torna a vida mais fácil”.

O vídeo abaixo mostra como funciona a GreenBox:

Com informações da Revista Galileu.
Fonte: CicloVivo