Translate

Google Translate
Arabic Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

Quem sou eu

Minha foto

Pesquisadora nas áreas de sustentabilidade e saúde da habitação. Tem como objetivo projetar e prestar consultoria a clientes com interesse na busca pelo Viver Saudável, uma interação equilibrada entre meio ambiente, pessoas  e o Lar em que habitam.

Fale Conosco

- Deixe seu comentário ou envie um e-mail: celinalago@hotmail.com
- Se desejar receber as novidades do site seja um seguidor que o envio é automático.
- A sua participação é muito importante. Só assim, unidos conseguiremos reverter o processo de destruição planetária pelo qual estamos passando e encontrar um equilíbrio saudável.

Muita Luz e Amor,

Celina Lago

23 de jul de 2012

Artista Francesa Transforma rolo de Papel higiênico em Obras de Arte

Muito Legal para ensinar nas escolas

É para lá de normal o rolo de papel higiênico ir parar no lixo não reciclável. Até mesmo algumas das pessoas mais ecológicas, na hora da pressa, se esquecem de separar essa sobra comum do banheiro. Mas para a artista plástica Anastassia Elias não foi assim que aconteceu. Ela começou a juntar unidade por unidade para reciclagem até que um dia veio a ideia: por que não transformá-las em arte?

Explorando o lado artístico de um objeto que, a primeira vista, nada de arte parece conter, Anastassia criou peças compostas que reproduzem cenários sociais, ambientais e educativos. Trabalhando delicadamente e minuciosamente, ela descobriu os segredos da estética em miniatura e traz em seus pequenos quadros tridimensionais um olhar peculiar sobre o mundo.


As peças são elaboradas com uma técnica que permite que durante sua observação uma história seja contada, quebrando caráter estático da obra. Ao interagir com o rolo, o apreciador deve ir girando o objeto em 180º e aos poucos novos personagens e cenários vão surgindo, impressionando com o nível de detalhes.

Para cada um, são horas de trabalho, conta a artista, que manipula as peças de papel utilizando apenas cola e pinça: “Costumo selecionar o papel da mesma cor do rolo, o que gera a impressão de que as figuras de papel estão saindo de dentro dele”. As cenas escolhidas emocionam e tranquilizam ao mesmo tempo, dando até vontade de fazer parte do quadro, não é mesmo?



Fonte: Moleco Fotos: Anastassia Elias Via: NaturaEkos